Porque isso pode ser ruim para o mundo?

5 de Maio de 2022 Por Redator do blog Não
Publicidade

Elon musk também quer ir além do céu com a sua famosa empresa Spacex

As suas empresas não cansam de lançar produtos inovadores e até revolucionários, batem recordes de faturamento e lucros, você chega a ser o homem mais rico do mundo mesmo assim isso não é o suficiente para o presidente do seu país, a maior superpotência Mundial, goste de você, e até mesmo durante o conflito da guerra atual essa inimizade ganha as manchetes.

Esse é o caso de rivalidade entre Elon Musk e o Presidente Americano Joe biden; Elon Musk vira e mexe estampa capas de jornais e aparece na lista dos assuntos do momento, no Twitter seu nome atrai massas, não seria exagero dizer que entre os mais jovens quase todo mundo o conhece ou conhece suas empresas, sempre estamos olhando para o futuro da tecnologia e os carros são sempre alvo de especulação sobre qual será a próxima grande inovação que ditará as tendências dos automóveis mundiais e dos carros voadores, provavelmente a maior evolução tecnológica que as pessoas esperam sejam os carros elétricos, carros que a Tesla, as outras empresas que produzem carros elétricos tem a Tesla como modelo a ser seguido e também copiaram a Tesla sem medo, desde a venda diretamente ao público até os preços similares e altíssimos no início, porém até já sofreu por esse motivo, fabricar carros extremamente caros longe do poder de aquisição das massas, a empresa passou os anos dando o prejuízo, talvez esse fosse o preço da inovação, mas até agora se tornou mais acessível nos últimos anos principalmente em 2017 quando lançou seu principal modelo para a população em geral, o Tesla Model 3, é o carro elétrico mais vendido de todos os tempos, o carro era comercializado inicialmente pelo valor de 35.000 dólares, muito mais acessível que os primeiros carros que a companhia havia lançado nos anos anteriores, apesar disso só em 2020 a empresa deu lucros, e a partir dali o céu era o limite para Elon Musk, ou será que não era? Não não era mesmo!

Publicidade

Elon musk também quer ir além do céu com a sua famosa empresa Spacex, a Spacex é amplamente conhecida principalmente pelo projeto Starlink, inclusive a empresa direcionou seus satélites desse projeto para ajudar o acesso à internet do povo em conflito durante a guerra atual, mas não só por isso, a Spacex é a única empresa privada com foco em viagens ao espaço, em que a NASA confia para levar seus próprios tripulantes para fora da terra e deixar eles na estação espacial internacional, parece decidida a conquistar o espaço com suas viagens comerciais, a NASA também recompensou a Spacex com um contrato multimilionário, derrotando a Blue de Jeff Bezos para construir a espaçonave que levará o homem de volta à lua depois de mais de 50 anos com suas empresas decolando, Elon foi alçado ao posto de homem mais rico do mundo, e apesar de a lista das pessoas mais ricas do mundo variar com certa rapidez, ele sempre está lutando pelo primeiro lugar, seu principal adversário talvez seja Jeff Bezos, dono da Amazon.

Mesmo com todos esses feitos e depois de alcançar todas as conquistas citadas, Elon Musk não conta com admiração do presidente norte-americano Joe Biden, apesar de ter alcançado feito com sua empresa privada, enviar três astronautas a órbita terrestre e ficar três dias antes de retornar à terra, o presidente Joe Biden não o parabenizou, nem mesmo comentou a conquista que é um grande avanço para as companhias aeroespaciais privadas dos Estados Unidos, o que piora a desfeita de Biden é que a missão espacial também estava ligada a uma arrecadação de fundos que juntou centenas de milhões de dólares para um hospital de câncer infantil e várias pessoas notáveis deram parabéns pelo feito, desde funcionários do alto Escalão da Nasa até a sua adversária americana, o silêncio do presidente americano não passou batido, a mídia especialista o criticaram por isso, principalmente destacando o fato da missão ter uma boa intenção, com os recursos arrecadados para as crianças com câncer.

Elon Musk é muito diferente de Biden, não se calou diante do silêncio, e só não comentou a desfeita do presidente como ainda o provocou por meio do Twitter, ele disse o seguinte: “sobre o presidente norte-americano, ele ainda deve estar dormindo.” Uma piada bastante comum sobre Joe Biden, que muitos alegam ter atitudes tranquilas até demais com ar muito passivo nos discursos e ações tanto que para fazer chacota da imagem do concorrente durante as eleições presidenciais de 2020, Donald Trump apelidou “by in the sleep Biden”,inclusive dobrou as críticas contra o presidente depois dessa saia justa, disse que o governo de Biden era pouco simpático a ele e que os governos anteriores tratavam seus negócios melhor, citou o fato do ex-presidente Barack Obama ter visitado instalações da Spacex durante seu governo, e também falou que o ex-presidente Trump debate as ideias com ele de forma amistosa, mas existe no passado e até irônico dessa rivalidade é que Elon Biden e Biden, tem ambições e objetivos muito semelhantes, ambos por exemplo condenam fortemente a invasão russa na Ucrânia, mas o campo que eles mais possuem afinidade de ideias é o das energias renováveis como forma de substituir a dependência do mundo dos combustíveis fósseis, a principal forma de se reduzir essa dependência segundo ambos, seria com o crescimento da indústria de carros elétricos em vez dos movidos a gasolina, segundo ele, cada carro elétrico nas estradas é uma vitória para o meio ambiente, uma grande coincidência ainda no campo da preservação ambiental é que Musk financiou um concurso de captura de carbono na terra para eliminar os gases do efeito estufa da atmosfera terrestre, no valor de Cem Milhões de Dólares, é semelhante o presidente Biden, que anunciou um compromisso durante sua campanha de financiar projetos de pesquisa para captura de carbono, Biden também está estimulando a produção e popularização dos veículos elétricos, um desavisado poderia tranquilamente pensar que Biden e Musk são a dupla ideal mas as coisas não são assim, antes de Biden assumir a presidência americana, Elon Musk revelou o seu apoio ao recém-eleito presidente e que estava bastante entusiasmado com o novo governo, o principal motivo para essa animação era que segundo o próprio Elon, o novo governo estaria bastante focado nas mudanças climáticas.

Elon Musk também revelou que segue o presidente Biden no Twitter para acompanhar todos os seus movimentos, mas que até mesmo chegou a brincar antes da posse de Joe Biden que faria com os assessores dele para trabalhar de verdade junto ao governo, ele achou que seria correspondido mas isso não aconteceu, meses depois que sofreu uma grande desilusão, o Joe Biden decidiu discutir certos avanços econômicos com os líderes da indústria de veículos elétricos, como a General Motors e Ford, mas sem convidar a Tesla para reunião, essa atitude de Biden foi algo bastante difícil de defender afinal Musk é dono da empresa líder de forma disparada no setor de automóveis elétricos e híbridos, inclusive um dos produtos e fabricações da Tesla movimenta mais dinheiro na economia norte-americana do que as empresas convidadas para reunião pelo presidente, Elon Musk não fez questão de esconder seu incômodo com o fato de ter sido ignorado pela reunião, e comentou no Twitter que se sentiu estranho com o ocorrido mas provavelmente o grande problema que gera a rivalidade entre Joe Biden, seja o fato do empresário ser totalmente contrário que seus funcionários sejam representados por sindicatos, enquanto a General Motors e Ford são empresas com funcionários sindicalizados, a gente não faz questão de esconder que aprecia elas por isso, apesar da rivalidade com o presidente da maior superpotência do mundo, as empresas de Musk tanto a Tesla quanto a Spacex continuam crescendo de forma impressionante, quebrando seus próprios recordes de faturamento e lucro, nem o céu nem o presidente parecem ser o limite para Elon Musk